domingo, 4 de setembro de 2016

Indian Rio incomodando


Para quem não está reconhecendo, esta é a calçada do 1220 na Barrinha.

O 1220 é um local de reunião semanal de harleyros veteranos, sempre com a calçada em frente ao bar lotado de HDs e hoje estava assim: frente tomada por Scouts.

Esse é o sinal de que realmente a "choice is coming" deixou de ser um slogam para ser uma prática. 

É lógico que as vendas da Indian Brasil não chegam a números significantes o suficiente para ser uma preocupação para a HDMC, ainda apoiadas na venda do life style para os iniciantes, mas é evidente que o produto da Polaris é muito bom e vem vencendo na comparação com o produto HDMC junto aos proprietários que já convivem com as HDs há mais tempo.

A Polaris deve muito desse sucesso à revenda carioca. Felipe Carlier e sua equipe de vendas vem fazendo um trabalho excelente de divulgação do produto, não se limitando ao tradicional café da manhã, mas aparecendo sempre que existe uma reunião habitual de harleyros como o almoço dos Malvadões, o churrasco do 1220 ou o Happy Hour do Leblon.

A prática do test ride mais longo (aos domingos são feitos test rides em passeios até Itaipava) e o carisma dos vendedores Marcelo Dell e Diogo Lobo dentro da comunidade HD tem atraído muitos colegas e o produto acaba os convencendo a fazer uma experiência extra HD. É a turma que anda aborrecida com o pós-venda HD e não quer andar de BMW.

Tomara que a Polaris comece a investir em metas maiores para incomodar a HDMC Brasil, se tornando um real concorrente deixando de "conviver pacificamente" dentro do segmento custom.

7 comentários:

Gasoline Sauce disse...

Mas eu acho MUITO bom isso! A concorrência é sempre ótima para nós, consumidores.

Lobo disse...

Gostaria de aproveitar a oportunidade para agradecer não só ao Wolfmann Hd pelas palavras, como também a todos aqueles (irmãos, amigos e clientes) que demonstram respeito e consideração pelo trabalho que temos desenvolvido aqui na Indian Motorcycle Rio, independente da marca de motocicleta que possuam.

Há quase 01 ano abrimos as portas sob muita expectativa e desconfiança. Hoje, percebe-se que as expectativas no produto se confirmaram. Já as desconfianças no pós-venda, essas aos poucos se esvaem.

Muito suor, tempo e dedicação que nem sempre se convertem em venda$, mas retornam de uma forma até mais gratificante, no reconhecimento de um profissional por seu trabalho bem feito.

Marcelo Dell Isola disse...

Faço das palavras do Lobo as minhas. Acreditamos no potencial e na tecnologia investida que nos tem retornado com os elogios e confiança dos nossos amigos e clientes. Obrigado ao Wolfmann e a todos. Let's Ride!!!

Bayer // Old Dog disse...

Eu torço bastante pela Indian, muito interessante ver isso acontecer aí no Rio.

As aqui de São Paulo ficam guardadas pro final de semana, mas infelizmente é raro ver uma.

Unknown disse...

Aqui em BH as Indians estão gradativamente ocupando seu espaço. Várias motos rodando pela cidade e começando a ter uma participação relevante nos principais eventos e pontos de encontro. O caminho esta traçado, "realmente a "choice is coming" deixou de ser um slogam para ser uma prática".

Edson Fell disse...

Aqui em SP só vi uma Indian na rua até agora. Eu gosto bastante da Indian, mas após assistir a mini série Harley and the Davidsons eu fiquei com um pé atrás pela sacanagem da Indian ter patenteado as peças que a Harley acabou esquecendo. Não sei até onde essa parte da série foi fiel, mas realmente me tirou um pouco o gosto que tinha pela Indian. De qualquer forma, tomara que a Indian cresça pra ver se a Harley melhora. De uns tempos pra cá teve até redução de preço na Scout, coisa quenão é cara da Harley.

Daniel Mello disse...

Aguardando ansiosamente, embasbacadamente, arrancandooscabelosmente que a Indian abra uma concessionária em Porto Alegre!!!!